Aviso Soul Gothic


Destaque


Papa Roach show em SP videos



Data do destaque: 16/12/2016



Olá galera da Soul Gothic!

 
Ontem foi o aguardado show do Papa Roach, no Tropical Butantã.
Digo aguardado porque, se vocês bem se lembram, a banda cancelou a turnê que faria no Brasil em 2013, por problemas nas cordas vocais do vocalista da banda Jacoby Shaddix.
Mas o fato foi lembrado pelo vocalista durante o show, que se desculpou publicamente!
Dito isso, vamos aos detalhes!
 
A organização das filas na entrada era em três: pista comum, pista VIP, camarote/imprensa. A pista VIP era localizada bem na frente do palco, enquanto que a pista comum era localizada logo atrás da pista VIP. 
Camarotes eram em cima, na parte detrás (atrás de toda a pista) e na lateral, com mesas e bancos, bar exclusivo. Pela localização do camarote, dava boa visão ao show. Os portões foram abertos às 19:00 horas.
 
A abertura do show ficou por conta da banda SIOUX 66, que iniciou próximo das 21:00. A banda, que tem raízes no Hard Rock e já abriu para o Aerosmith, não decepcionou o público! Não foram vaiados em momento algum e tocaram músicas que agradaram ao público, como cover de Paralamas do Sucesso. Deram uma animada legal, bom instrumental. 
 
Em seguida, após a retirada dos instrumentos, o tão aguardado show.
O Papa Roach entra em cena, com muita animação e energia.
O início do show ficou por conta da música "FEAR - Face Everything and Rise".
Video:
 
O vocalista cumprimentou o público e teve uma boa presença de palco a todo momento.
Sabia conduzir o público. Pediu alguns "bate cabeça" para a platéia durante o show.
 
 
As primeiras músicas, que seguiu o set list do show anterior em Porto Alegre, tiveram um bom jogo de luz.
Contudo, houve uma grande mancada por parte da casa de shows, o Tropical Butantã.
No meio da apresentação de "Hollywood Whore", as luzes se apagaram do nada e não voltaram a ligar até o fim da música. 
O vocalista chegou a perguntar, durante a sua apresentação, o que aconteceu com as luzes, de forma que percebemos que não era intencional e não fazia parte dos planos da banda.
Acederam-se somente luzes brancas, que dificultaram ver o rosto de todos os integrantes da banda. Infelizmente, até o final do show, só foi possível ver a silhueta da banda e ouvir o show. O problema não foi solucionado e a  banda foi super profissional em continuar o show ainda assim, mesmo com uma iluminação péssima. Houve uma hora que o vocalista gritou "fuck the lights!" para animar o público.
 
O Show durou uns 50 minutos, tocaram todo o set list, mesmo com o problema da iluminação da casa. Apesar dos problemas listados, foi um show memorável. 
 

Papa Roach, até breve! Espero que retornem ao Brasil!